o Porto em 7 percursos: a parte 3 do 2º ==> contornar a igreja da Sé do Porto

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp
Nesta parte 3 do percurso 2 do livro Caminhar pelo Porto, vou descrever e ilustrar com as minhas fotografias de junho de 2020 o espaço que contorna a área da igreja da Sé do Porto.

O percurso começa na Rua de D. Hugo.

Esta rua muito antiga tem mais a frente um pequeno largo de com uma grande torre reconstruída da chamada Cerva Velha, como ilustra a foto a seguir.

Esta pequena rua também já foi conhecida como Rua dos Cónegos como mostra a foto abaixo.

Mais a frente está a Casa-Museu de Guerra Junqueiro local que já foi a residência do cónego da Sé, Dr. Domingos Barbosa. A fotografia a seguir mostra esta parte do percurso.

Em frente ao Museu está Fundação Maria Isabel Guerreiro Junqueiro, exemplo de arquitetura dos séculos XVII e XVIII

Ao seguir a pequena rua é possível ter uma ideia do tipo de residência utilizada pelos cónegos. Veja nas fotos abaixo.

Então encontramos a Capela de Nossa Senhora das Verdades, como na foto a seguir.

Ao lado da Igreja, ao descer as escadas como estão nas fotos em sequencia podemos chegar a uma viela para descobrir  um arco.

O arco é conhecido como Arco das Verdades e está na fotografia a seguir. E nele está o que resta de um aqueduto que ligava os dutos com água para o Colégio de São Lourenço dos Padres da Companhia de Jesus.

Se olhar com cuidado ao redor é possível ter uma vista interessante e linda do Rio Douro 💓. Olha um exemplo na foto abaixo.

Porém vou explorar esta paisagem do Rio Douro em outro post (aguardem que são lindas as paisagens). Seguindo as indicações do livro do Germano Silva, voltamos para o início das escadas na rua de D. Hugo e continuamos a caminhada, como ilustra a foto abaixo, em direção ao Terreiro da Sé.

Ao contornar o edifício do Paço Episcopal, estamos no início das escadarias que levam ao Terreiro da Sé. Mais detalhes sobre esta parte do percurso fica para o próximo post da série. Termino com uma maravilhosa vista do Rio Douro bem no início das escadarias do Terreiro do Paço. Olha este exemplo a seguir que fotografei quando fiz o percurso.

Até a próxima com um descrição sobre o Terreiro da Sé.

 

 

 

 

 

admin

admin

Leave a Replay

Alertar no meu email